Benefícios do paisagismo nos projetos de arquitetura corporativa

| | Deixe um comentário

A junção da sustentabilidade, conforto e bem-estar, resultam em um ambiente moderno e bonito, porém o contato com a natureza para os seres humanos tem um significado além da estética do que se enxerga.

A cor verde tem a capacidade de afetar diretamente o nosso cérebro e até mesmo melhorar ambientes com uma carga de estresse maior, como os corporativos.

Segundo a Universidade de Queensland, na Austrália, escritórios que possuem design de interiores voltada na diversidade em plantas é capaz de deixar os funcionários mais alegres, o que afetou diretamente a produtividade, aumentando cerca de 15%!

Logo, é bastante comum para arquitetos incluírem plantas em seus projetos corporativos – principalmente na decoração de empresas, como sendo um item indispensável. Com o intuito de desenvolver espaços convidativos, aconchegantes e agradáveis, visando a motivação de quem trabalha nesse ambiente, o paisagismo deve ser considerado um cuidado especial em escritórios ou empresas.

Paisagismo corporativo

Qual tipo de paisagismo escolher?

Escritório verde ou green office

Mais comuns para empresas em imóveis com espaço externo (como casas), os escritórios verdes visam a sustentabilidade e o consumo consciente. Esse tipo de projeto corporativo aposta não só no paisagismo, mas também em estratégias de responsabilidade ambientes, como:

  • Priorizar luz natural no ambiente; 
  • Uso de cores claras;
  • Energia sustentável; 
  • Reutilização de água da chuva; 
  • Diminuição de emissão de compostos poluentes; 
  • Limpeza do ar;
  • Móveis e materiais de produção reciclável. 

Jardim vertical

Bonitos e funcionais, os jardins verticais chamam atenção, modernizam e valorizam qualquer ambiente. Aproveitam espaços pequenos de maneira sustentável, trazendo mais conforto para a empresa, além de ajudar a reduzir a temperatura do ambiente. Indicado principalmente para escritórios em edifícios. 

Aqui, vale investir em plantas diversificadas que se adaptem ao ambiente, manter uma irrigação sempre em dia e optar por espaços como corredores e salas de reuniões.

Jardim de inverno

Possibilidade de melhor aproveitamento de espaços e cantos em ambientes corporativos, o jardim de inverno traz um ar de elegância e aconchego ao mesmo tempo, além de promover iluminação natural para ambientes fechados e escuros.

Espaço de descompressão

Comum nas novas configurações de empresas, o espaço de descompressão é um ambiente dentro de escritórios e empresas que visa promover momentos de bem-estar durante os intervalos de trabalho, como refeições. 

Iniciativas como essa promovem um ambiente de trabalho mais descontraído e preocupado com os colaboradores.

Paisagismo corporativo

Quais plantas devemos usar em um ambiente interno ou pouco ensolarado? 

As regas variam bastante de acordo com a planta, época do ano e o local onde está sendo cultivada. Para entender se ela precisa de mais ou menos água, uma dica é afundar o dedo levemente na terra para verificar se está úmida ou não.

Um solo bem drenado faz muito bem a qualquer espécie. Se cultivadas em vasos, devem ter a base composta de argila expandida ou ainda pedriscos, e substrato composto de duas partes de terra e uma de areia, para a maioria das espécies.

Lança de São Jorge 

De origem africana, essa planta é uma excelente opção para quem procura plantas que apresentam resistência. De folhas longas em formato cilíndrico, a Lança de São Jorge compatibiliza bem com ambientes internos. Pode ser cultivada em vasos ou mesmo em pequenos jardins. A indicação é não ficar exposta ao sol por tempo prolongado e deve ser regada na base a cada 15 dias. Além disso, conseguem viver bem em ambientes com ar-condicionado.

Jiboia

É conhecida como uma das plantas mais descomplicadas de serem cuidadas. Bastante resistente, conforme sua origem de clima tropical, a Jiboia se adaptou muito bem com o clima quente do Brasil.

Bromélias 

Versáteis, as Bromélias são uma ótima opção para um vaso de enfeite ou um jardim com várias mudas em conjunto. Essas plantas epífitas se desenvolvem bem em ambientes com bastante luz indireta e, principalmente, úmidos, sejam eles internos ou externos. 

Dracena Pau D’água

De origem africana, o conhecido Pau D’água é uma planta imponente e resistente, com folhas largas e compridas, além de possuir uma altura excelente para ambientes como salas de reunião. O Pau D’água necessita de pouca atenção e por isso não dá muito trabalho, e mesmo assim produz um efeito lindo em locais com pouca incidência de luz.

Jade 

Também de origem africana, essa planta suculenta de crescimento lento é ideal para quem busca se inspirar em árvores ao desenvolver seu projeto de paisagismo. Em época de primavera e inverno, a Jade produz flores coloridas (branca ou rosa) com formas exuberantes e perfumadas.

Clorofito

Planta resistente e poderosa para purificar o ar do ambiente, essa suporta bem o ar-condicionado e condições climáticas de escritórios e empresas.

Pacová

De origem nacional, a Pacová pode ser cultivada em vasos e canteiros, ou ainda fixa à uma árvore. Desenvolve bem à meia sombra e em substratos ricos em matéria orgânica, mantidos sempre úmidos.

Samambaia 

Uma das plantas mais queridas do Brasil, a Samambaia é bastante comum e fica incrível em ambientes internos. A espécie mais comum são as de folhagem verde-clara, comum em vasos, jardins suspensos ou jardins verticais. Necessitam de luz natural, e algumas variedades até toleram bem algumas horas de sol direto, portanto devem ficar perto de janelas ou em ambientes com boa iluminação indireta.

Calathea

Com origem na América Tropical, a planta chama atenção por ter folhas robustas e belas, que se encaixam muito bem em escritórios pelo destaque e impacto que podem proporcionar. Além disso, precisa de poucos cuidados.

Costelas de Adão 

Causa impacto visual e é, sem dúvidas, de uma beleza ímpar. Além de resistente, a planta pode ser aplicada em vasos ou jardins. Rega indicada duas vezes na semana.

Conclusão

Além de todos os pontos citados acima, o paisagismo em ambientes corporativos é capaz de tornar o espaço mais silencioso, fresco, relaxante, e, ao mesmo tempo, mais confortável e interessante para a equipe. Vale o investimento!

0 0 votes
Avaliação deste conteúdo
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Vamos conversar sobre o seu projeto?

Que tal marcarmos uma ligação para conversarmos sobre seu projeto e nos conhecermos melhor? Compartilhe seus dados e de seu projeto.
Prefere outra forma de contato?
1Sobre você
2Sobre seu projeto
3Agende uma ligação
E-mail(Requirido)
Compartilhe conosco o melhor número para entrarmos em contato

Artigos e conteúdos exclusivos

Paisagismo corporativo

Benefícios do paisagismo nos projetos de arquitetura corporativa

|
A junção da sustentabilidade, conforto e bem-estar, resultam em um ambiente moderno e bonito, porém o contato com a natureza para os seres humanos tem um significado além da estética do que se enx...
Divisoria de escritorio

Divisórias em Escritório: como definir a melhor para o ambiente da sua empresa

|
Se você tem uma empresa, sem dúvida já pensou em formas de deixá-la mais agradável e harmônica. Grande parte dessa organização depende de alguns fatores como logística, orçamento ou até gosto próp...
Home Office

Decoração de Home Office: dicas de como aprimorar seu espaço para aumentar a produtividade

|
Para ter uma boa experiência com o home office é preciso combinar a seriedade do trabalho com um ambiente caseiro mais relaxante e confortável. Porém, pela ânsia em se adaptar ao novo formato, mui...

Copyright © 2022 Studio Area
Criado por Khamomila | Digital Business